Multidão

Entre as pessoas no passeio público, sinto-me estranhamente impertencente. Os colóquios, as canções, as maneiras de preservar a harmonia social, os corpos abandonados, deformados. Os espíritos de arte muda, calada, solapada.

Cada pessoa da pequena multidão no bar e sua personalidade insegura. Seu riso travado ou auxiliado por contrações abdominais voluntárias, força facial em traços que não lembram o sorriso original. A perceptível estranheza à educação e ao diálogo de um assunto oferecido sem ressentimento e frivolidade, palavras superficiais, ou opiniões iguais.

Penso no exílio à tez pública de grandes escritores, artistas, pensadores. Me tomam acento à mente os autores literários.

Desconheço suas motivações. Acho-me sendo apresentado às minhas. A solidão de fundo, desgosto, disparate de encaixe. Uma peça de quebra-cabeça colocada na caixa errada.

Encontro na escrita a companheira do que não posso falar, verbo que se perde sem eco no outro encontrar. Tenho dúvida se os rabiscos em letras sobre fundo contrastante, encontram em quem os lê ressonância, obstante.

Só. Assim minha alma entre encontros se encontra. Intervalos avessos — longos momentos, entre curtos espetáculos.

Soledade que se sente entre gente, mas pouco quando só. Meus pensamentos, humor, letras, vídeos e músicas me acompanham, amigos que preenchem com sua presença. É na Ágora, nos pubs e casas que a solitude me pega.

Observo pessoas como um fantasma aos vivos. O faço por posição, não por ideia. Estrangeiro em minha própria terra, outra língua entre meu povo.

Sigo levando, apenas em ti, pena, escorando. És fina e delicada, como o ponto que me une ao mundo. Todo o mais é efêmero demais, fixações a que o tempo corroeu, enfraqueceu. Ruiu.

A quem tantos pontos rochosos tinha, a vida guardou uma linha e caneta para mantê-lo a ela, ainda. Para uma indiferente vida, é muita ironia.

Um comentário em “Multidão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.